sábado, 22 de maio de 2010

Está virando moda…

…postar do trem! Mas é uma das melhores maneiras de aproveitar o tempo, já que depois de passear o dia inteiro, é difícil chegar no hotel e ainda escrever.

Estamos indo de Firenze para Roma, no trem que eles chamam de “Regionale”. Custa cerca de 1\3 da passagem do TGV (Trem de Grande Velocidade), e apesar de demorar mais (óbvio) é tranquilo e confortável. Nossa passagem custou 16,10 euros (cada) e a viagem está prevista para durar 4 horas.

Passeamos bastante em Florença, e tem um montão de fotos, inclusive uma série que planejo expor, “Os lampiões de Florença”, junto com “As Máscaras de Veneza” e “Nossas roupas comuns penduradas no varal” (aproveitando a música que não lembro de quem é, agora).

Em Florença ficamos num Íbis (Firenze Prato Est) que na verdade é FORA DA CIDADE, é em Campi Bisenzio, e gastamos muito tempo somente nessa parte de ir-e-vir. [Culpa de quem não olhou direitinho no Google Map]. O bom é que ficava do lado de um Shoppinh (Il Gigli), com um supermercado bem legal (Panorama), que nos permitiu economizar bastante comprando água, coca e lanchinhos beeeeem baratinhos. (Além de camisetas, meias e facas a 0,99!)

Posts específicos a serem escritos:

  • Encontros com brasileiros
  • Feijoada em Florença
  • Monte de la Santa Croce (e a missa em Canto Gregoriano (Marido diz que é “com Canto Gregoriano”, discutiremos isso no post em questão).

Em Roma estamos indo pra um Albergue novamente (Alessandro Downtown Hostel), cujas informações de chegada dizem que fica a 5 minutos da Estação Roma Termini, que é onde vamos chegar. Então, hoje ainda dá pra aproveitar a noite romana. [Marido prometeu me levar pra dançar, e até agora… nada. Só dançamos nos metrôs de Paris e Londres e na Piazza San Marco, em Veneza, onde ganhamos até aplausos de uma outra turista!]

Espero que no albergue tenhamos uma internet disponível por tempo suficiente, porque no Íbis só tínhamos 15 minutos, o que dava apenas pra ver e-mail e nada mais. Vou deixar para inserir as fotos depois, aguarde e confie.)

Finalmente, ontem consegui falar com Abelzinho, que desde que saí de casa não tinha conseguido. A última notícia que tive dele foi que estava adoentado, indo e voltando do Pronto Socorro, com uma febre que não passava. No final das contas, era dengue, e com aspecto de hemorrágica. Graças a Deus as plaquetas, que chegaram a 70, no dia seguinte já estavam em 150, e ele está bem.

Obrigada a quem deu (ou tentou dar) notícias à minha mãe, já tenho conseguido falar com ela e com meu pai. Por lá também está tudo sob controle.

UPDATE – Já em Roma. A conexão do Albergue aqui é excelente, meu notebook é que está dando piti. Fiz upload de fotos novas, mas não consegui colocar o link aqui. E também as fotos do post de Veneza. As deste post, ainda não.

Boa noite, galera, aqui já são 23:30h e eu tô mortinha de sono!

3 comentários:

Ivana disse...

Boa noite, Bel, aproveite bastante! Tô doida pra ver as fotos!
Beijos!

Tucha disse...

Dei uma "geral" no blog e vejo que vcs estão aprovietando bastante. Os imprevistos fazem parte... senão não temos o que contar.
Cpnversei com sua mãe por telefone há pouco, ela está bem, só está dificil, sendo ela, manter repouso pois as visitas não muitas

Georgia disse...

Quanta aventuuuuuuuuuuuuuuuur, Bel.

Beijao