sexta-feira, 4 de junho de 2010

Fui roubada

Esse post não estava em nenhuma das listinhas de promessas, mas eu preciso contar essa parte.

No post sobre a minha decepção com Veneza (e com a Itália em geral), eu falei que fui roubada na recarga do celular e no uso do banheiro público, mas foram, de fato, “roubos metafóricos”. Me deixaram irritada, chateada, com sensação de perda, mas foi algo no estilo “todo mundo perde assim”.

O roubo do qual vou falar hoje, aconteceu em Roma. Não tenho certeza se pelo indiano que me vendeu lenços na porta do Coliseu

[Diálogo em inglês:

-Indiano: Madame quer troco ou beijos?

-Eu: Troco. Beijos eu já tenho do meu marido.

-Indiano: Eu não sou ciumento.

Eu: Saída sem graça e sem olhar o troco]

ou do indiano da banca de revista, onde comprei 5 euros de postais e calendários, mas com certeza foi um indiano.

Fato é que, ao fotografar as diferentes moedas que tinha na bolsa, entre libras e euros, descobri que os euros têm uma “coroa” igual, mas uma “cara” diferente, onde às vezes se pode distinguir em qual país foi “feita” a moeda.

Viagem Nikon 24-05-2010 079Viagem Nikon 24-05-2010 080 

Enquanto fotografava, vi, ainda pela lente da câmera, que havia uma diferente. Na cara… e na coroa também, apesar de ter o mesmo formato, que é o do nosso real, com uma parte prateada por dentro e uma dourada na borda! Era um Bolívar Venezuelano!!!

Viagem Nikon 24-05-2010 085Viagem Nikon 24-05-2010 086 

Viagem Nikon 24-05-2010 087 

Sem ter idéia da cotação, saquei na hora que tinha saído perdendo, porque se um euro estava a 2,37 reais… o bolívar deveria ser menos ainda.

Juro que eu não fiquei zangada, eu ri, e r um bocado, da esperteza dos indianos e da minha burrice em não conferir direitinho o troco. O bolívar está guardado junto com as outras moedas de euro e libra na caixinha dos Beatles em cima da peça da sala.

Agora, enquanto escrevia o post, Marido me sugeriu olhar a cotação. Vejam só: (clica, que aumenta!)

Captura de tela inteira 04062010 171539.bmp

Menos de 0,20 euro. Então fui roubada em 5 vezes o que ele deveria me dar de troco. [Off records: Acho que se eu tivesse aceitado os beijos, o prejú teria sido beeeeeeem maior!!!]

Lição do dia e dica de hoje: MUITA ATENÇÃO ao receber troco, e não dar moleza a conversinhas de camelôs [que são muitos e insistentes].  Me lembrem de contar dos senegaleses em Lisboa.

3 comentários:

Ivana disse...

Putz, Bel, ninguém merece! Estes caras são fogo! Lembro de ver destes aos montes em Paris! Fiquei muito longe deles e não comprei absolutamente nada com eles. Bom saber.
Beijos!

Tâmara disse...

E eu que queria pagar com 1 real achando que era 1 euro? #FAIL Brasileira safada! kkkkkkkk

Georgia disse...

Eles estao espalhdos por toda a parte.

Bjao